24 Maio 2024

Nos últimos anos tem-se registado um aumento considerável no que toca à implementação da Inteligência Artificial nos negócios. De facto, este campo de estudo multidisciplinar procura criar sistemas capazes de simular a inteligência humana, que inclui a capacidade de aprender, resolver problemas, tomar decisões e realizar ações de forma autónoma.

Nos dias que correm, a Inteligência Artificial cobre diversas subáreas de pesquisa e desenvolvimento, entre elas: (1) aprendizagem automática; (2) redes neurais artificiais; (3) visão computacional; (4) processamento de linguagem natural; (5) robótica.

Neste sentido, são diversos os benefícios que uma empresa tem ao adotar plataformas e processos de IA no negócio.

Oportunidades da Inteligência Artificial no mundo empresarial

Automatização de tarefas

Como é de conhecimento público, a IA tem permitido às empresas a automatização de tarefas repetitivas, acabando por libertar tempo aos colaboradores, para que se possam concentrar em atividades mais estratégicas e criativas. Consequentemente, há um aumento da eficiência e produtividade no meio organizacional. Além disso, é capaz de fornecer insights e previsões precisas baseadas nos dados que lhe são fornecidos, agilizando determinados processos.

Redução de custos

A nível de negócio, a Inteligência Artificial também tem um peso notório no que diz respeito à redução de custos. Ora, ao otimizar os recursos até então utilizados, diminuirá automaticamente o desperdício de tempo e materiais e eliminará potenciais erros e falhas, bem como a correção dos mesmos.

Fidelização e satisfação de clientes

É ainda de salientar que a IA fideliza e aumenta a satisfação dos clientes ao oferecer, por exemplo, um atendimento 24/7 personalizado e ao resolver problemas de forma rápida e eficaz. Consecutivamente, através destes dados – que ficam registados – é possível fazer uma análise que permite o desenvolvimento e melhoria de produtos e serviços mais relevantes.

Novas oportunidades de mercado

Não obstante, a IA, em qualquer negócio, abre novas oportunidades de mercado e aumenta a competitividade do mesmo, uma vez que é possível obter um conhecimento mais acertado sobre os clientes. A utilização de uma plataforma de IA integrada com um sistema de apoio à decisão, por exemplo, irá permitir fazer uma previsão e análise de tendências em tempo real e, consequentemente, explorar novas formas de gerar receita e agregar valor aos clientes.

Aumento da segurança

Esta implementação traz também marcantes vantagens a nível de segurança. Qualquer empresa poderá implementar um processo ou plataforma de IA que detete fraudes e anomalias, protegendo-a contra crimes cibernéticos – que, atualmente, tornam-se cada vez mais frequentes – e perdas financeiras. Da mesma forma, assegura que o negócio se mantém segundo as leis e normas.

Inteligência Artificial na criação de novos modelos de negócio

Num mundo cada vez mais interligado, as empresas deparam-se com um cenário fértil para a coleta de dados e, por consequência, para a inovação. Esta realidade abre portas para uma evolução significativa dos mercados, impulsionando a agilidade, a simplicidade das operações, a vitalidade dos negócios, o crescimento dos lucros e o empoderamento dos consumidores.

Embora a adoção da Inteligência Artificial varie entre setores e países, a abordagem atual das estratégias de IA ainda se mostra limitada. O foco principal recai, como supramencionado, sobre a otimização do atendimento ao cliente, a análise de dados, a previsão de desempenho e a automação de tarefas, sem explorar plenamente o potencial transformador da IA.

Para tirar o máximo proveito, é crucial transcender essa visão restrita e abraçar um paradigma mais amplo. A verdadeira inovação reside na capacidade de integrar a IA em todos os aspetos do negócio, desde a tomada de decisões estratégicas até a otimização da cadeia de suprimentos.

Uma abordagem holística e uma cultura de inovação

Para alcançar este objetivo, é fundamental superar os desafios da infraestrutura digital. A falta de interoperabilidade entre sistemas e a dificuldade de compartilhamento seguro de dados impedem as empresas de explorar todo o potencial da IA. Uma infraestrutura robusta e flexível é crucial para conectar dados e insights de forma eficiente, permitindo que as empresas tomem decisões mais inteligentes e ágeis.

Neste sentido, a colaboração entre as organizações também é essencial. Através da troca regulamentada e corporativa de dados e informações, as empresas podem ampliar os seus horizontes, identificar novas oportunidades e desenvolver soluções inovadoras em conjunto.

Ao superar estes desafios e ao abraçar a IA de forma holística, as empresas podem, assim, desbloquear um mundo de possibilidades, impulsionando a competitividade, o crescimento e a sustentabilidade a longo prazo. A chave reside na criação de uma cultura de inovação que incentive a experimentação, a colaboração e a busca constante por novos horizontes.

IA e Segurança: Um mar de dados e incertezas

O poder da IA reside na capacidade de aprender e adaptar-se a partir de vastos conjuntos de dados. No entanto, essa imensa quantidade de informação levanta preocupações relativamente à segurança e à ética no mundo empresarial.

De facto, a necessidade de armazenar grandes volumes de dados para alimentar os algoritmos de IA exige medidas robustas de segurança para garantir a confidencialidade, integridade e disponibilidade das informações. Aqui, torna-se fulcral considerar a origem, a propriedade e as restrições de uso dos dados utilizados em algoritmos de IA.

Os acordos internacionais sobre crimes cibernéticos são deveras importantes, mas a aplicação da lei em casos de guerra cibernética que envolvam IA ainda é incerta. A ausência de leis e normas internacionais para a IA cria um vácuo legal, dificultando a responsabilização de empresas e governos por possíveis falhas ou mal uso da tecnologia.

Além disso, a ausência de diretrizes éticas claras para o desenvolvimento e uso da IA pode levar a riscos reputacionais, boicotes de consumidores e até mesmo potenciais sanções legais. Deste modo, torna-se necessário investir em Investigação e Desenvolvimento (I&D) para garantir que a IA é usada de forma segura, responsável e ética.

A IA é uma tecnologia em constante evolução, capaz de transformar diversos setores da sociedade. É assim crucial que o seu desenvolvimento e uso sejam acompanhados por medidas de segurança e considerações éticas robustas para garantir que os benefícios dessa tecnologia sejam aproveitados de forma responsável e para o bem de todos.


Compartilhe este artigo com a sua rede de contactos. Explore o nosso arquivo para encontrar conteúdos relacionados e relevantes.